A semana de moda de Londres mal começou e nós já percebemos uma tendência que estará fortíssima na temporada: os shapes genderless. Mas o que seria isso? Formatos de peças que saem do padrão de gênero e que se encontram no que seria um “meio termo”, quebrando as barreiras do feminino e do masculino.

Quem ama moda já sabe, a capital da Inglaterra é uma cidade que vê a vestimenta com uma grande quebra de padrões, tendo sediado diversos movimentos famosos como o punk. Dessa vez, marcas como Ports 1961 e Burberry (na qual Riccardo Tisci estreou nessa temporada) apostaram na tendência sem gênero para suas coleções.

(Desfile Burberry. Fotos tiradas do site FFW)

(Desfile da Ports 1961, fotos retiradas do site FFW)

As peças trouxeram muito da alfaiataria e do street style, que são duas tendências que se mantiveram em alta durante as últimas temporadas, criando looks elegantes mas ainda assim descolados e fáceis de se usar. Para você, que deseja se inspirar no genderless, vale apostar em combinações que quebrem o formato do corpo, com peças mais largas e com um bom corte.

Coven (Foto: Nicole Heiniger (SD MGMT) / Produção de moda: Larissa Lucchese e Paulo Martinez (SD MGMT))

Estampas também são grandes aliadas! Mas nessas coleções, as cores favoritas foram as mais sóbrias, balanceando com alguns tons mais quentes para criar um dinamismo e não perder a graça!

Espero que vocês tenham gostado da tendência que está ganhando cada dia mais força e quebrando barreiras.

Share: