Unidas pelo amor ao crochê (e por um trabalho de conclusão de curso) as estilistas Emily Dias e Vivianne Pinto criaram a VillÔ Ateliê, uma marca de moda artesanal, que nasceu na cidade de Salvador, mas que em apenas 3 anos de carreira já participou do maior evento de moda autoral da América Latina, o Dragão Fashion.

As designers tem como intenção inovar no mercado de artesanato, que até pouco tempo parecia esquecido no mundo da moda, tendo como matérias primas principais o linho, seda e até pedrarias de swarosvki. “Em tempos de fast fashion, ousamos em fazer peças diferenciadas e autênticas”, informa a empresa em entrevista para o site.

A inspiração? Mulheres. A marca acredita na força e determinação do sexo feminino, que mesmo durante a luta pela conquista de direitos não perde sua essência. E seus designs traduzem isso com louvor, trazendo peças femininas, muitas delas até com traços sensuais, mas sempre em tons neutros que marcam a necessidade de flexibilidade do guarda roupa nos dias atuais.

Valorizando ainda a força feminina, a marca conta com a mão de obra de mulheres que já haviam deixado o mercado de trabalho, e que faziam crochê de forma não comercial.  Tendo desta forma um processo de aprendizado mútuo, pois designers e crocheteiras juntas desenvolveram seus próprios métodos de trabalho, dando vida a uma marca que possui não apenas bons produtos, mas também uma bela jornada.

Para comprar com a VillÔ, é necessário entrar em contato via redes sociais (Instagram e Facebook), Email ou até WhatsApp. Clientes da cidade de Salvador são atendidas pessoalmente pelas donas da marca, com local e hora marcados. Enquanto clientes de outras cidades recebem as peças por Sedex. Para compra de peças sob medida,  o processo é praticamente o mesmo, sendo necessário um tempo para confecção e entrega do produto.

Como encontrar:

Instagram: @villoatelie

Facebook: https://www.facebook.com/atelievillo/

Email: contato.villo@gmail.com

Imagens retiradas do Facebook da VillÔ Ateliê

 

Share: